Queda de cabelo feminina: 5 dicas para lidar com a queda de cabelo feminina.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Weiblicher Haarausfall: 5 Tipps für den Umgang mit weiblichen Haarausfall.

Hoje cabelo, amanhã nenhum — Queda de cabelo feminina

5 dicas para lidar com a queda de cabelo feminina.

Há cin­co anos, ape­nas 10 dias após o nas­ci­men­to da minha filha, vol­tei a usar as minhas rou­pas de pré-gra­vi­dez.

Não era algo em que esta­va a tra­ba­lhar ou a pen­sar. Enquanto mui­tos me “feli­ci­ta­ram” por ter per­di­do o peso do bebé tão rapi­da­men­te, tam­bém per­di outra coi­sa em que não tinha pen­sa­do antes de dar à luz — e algo que nin­guém nun­ca quis per­der: per­di o cabe­lo!

Mas o meu cabe­lo não caiu, per­di o cabe­lo como tufos.

Embora tenha sido men­ci­o­na­do nos vári­os livros de gra­vi­dez e sites de gra­vi­dez que mui­tas mulhe­res sofrem de que­da de cabe­lo pou­co depois do nas­ci­men­to, a minha que­da de cabe­lo não foi tão típi­ca. Perdi tan­to cabe­lo ao mes­mo tem­po que o dre­no do meu chu­vei­ro entu­piu-se todas as vezes.

A minha cabe­lei­rei­ra de lon­ga data dis­se que a minha que­da de cabe­lo em todos os anos em que este­ve nes­ta pro­fis­são, e na qual teve vári­as novas mães como cli­en­tes, foi a pior que­da de cabe­lo femi­ni­na que já viu. Até o meu mari­do, que no pas­sa­do nun­ca repa­rou quan­do cor­tei o cabe­lo, repa­rou que o meu cabe­lo “pare­cia dife­ren­te”.

Resumindo, devo ter per­di­do bem mais de um ter­ço do meu cabe­lo.

Apesar do fac­to de o meu cabe­lo estar sem­pre bem e rela­ti­va­men­te fino, ain­da tinha mui­to. Ver estes gran­des tufos de cabe­lo no chu­vei­ro, nas minhas almo­fa­das e no chão não só era per­tur­ba­dor, mas depri­men­te.

Embora tenha ten­ta­do menos­pre­zá-lo dizen­do que isto pro­va­vel­men­te era ape­nas tem­po­rá­rio, e lem­bran­do-me que o meu novo bebé era mui­to mais impor­tan­te do que os meus pro­ble­mas de cabe­lo, impor­ta­va. Embora o meu cabe­lo tenha vol­ta­do a cres­cer, demo­rou mais de um ano para vol­ta­rem a pare­cer nor­mais.

Quando inves­ti­guei o meu tipo par­ti­cu­lar de que­da de cabe­lo, aper­ce­bi-me que não esta­va sozi­nho com este pro­ble­ma. A que­da de cabe­lo femi­ni­na afe­ta mui­tas mulhe­res, mes­mo aque­las que nun­ca deram à luz.

Enquanto mui­tos pen­sam que a que­da de cabe­lo femi­ni­na ape­nas afe­ta aque­les que são sub­me­ti­dos a qui­mi­o­te­ra­pia ou tomam cer­tos medi­ca­men­tos para o can­cro ou outras doen­ças, cer­ca de 40 por cen­to das mulhe­res sofrem de que­da de cabe­lo à medi­da que enve­lhe­cem. Muitas pes­so­as até expe­ri­men­tam uma “cal­ví­cie femi­ni­na”, que, como o nome suge­re, se asse­me­lha à cal­ví­cie mas­cu­li­na.

Embora exis­tam mui­tas razões para a que­da de cabe­lo, a gran­de mai­o­ria da doen­ça pode ser atri­buí­da a duas coi­sas: hor­mo­nas e gené­ti­ca. (No meu caso, a minha que­da de cabe­lo foi cau­sa­da pelo pri­mei­ro).

Há algu­mas coi­sas que podem ser fei­tas, mas na mai­o­ria dos casos temos de espe­rar que as nos­sas hor­mo­nas vol­tem ao nor­mal, ou temos de viver com o fac­to de que o nos­so cabe­lo des­bas­te per­ma­ne­ce. Ambos não são diver­ti­dos, mas há algu­mas dicas para tor­nar a vida razo­a­vel­men­te supor­tá­vel.

starker weiblicher haarausfall
Mas o meu cabe­lo não caiu, per­di o cabe­lo como tufos.

Eis algu­mas coi­sas que gos­ta­ria de saber no iní­cio da minha que­da de cabe­lo femi­ni­na:

1. Fale com um médico sobre os seus problemas de cabelo.

A gran­de mai­o­ria dos casos de que­da de cabe­lo logo após o nas­ci­men­to são geral­men­te hor­mo­nais, mas isso nem sem­pre é o caso. (Aqueles que nun­ca tive­ram filhos devem falar com um espe­ci­a­lis­ta o mais rápi­do pos­sí­vel).

Se não cair nes­te gru­po, a que­da de cabe­lo pode ser cau­sa­da por hor­mo­nas, stress, cer­tos sin­to­mas de defi­ci­ên­cia de vita­mi­nas, here­di­bi­li­da­de, cer­tas doen­ças ou uma com­bi­na­ção dos fato­res aci­ma. (Uma ami­ga minha reve­lou recen­te­men­te que o seu cabe­lo dimi­nuiu dras­ti­ca­men­te devi­do ao stress duran­te o pri­mei­ro e segun­do anos dos seus estu­dos de direi­to).

Queda de cabe­lo femi­ni­na:
Assim que des­co­bri­res a cau­sa e sou­be­res se a tua con­di­ção é tem­po­rá­ria ou per­ma­nen­te, pas­sa para o pas­so 2, que eu pes­so­al­men­te sen­ti ser um pre­sen­te de Deus.

2. Encontre um bom cabeleireiro que tenha experienciado desbaste de cabelo entre as clientes femininas.

Um bom cabe­lei­rei­ro vale ouro num momen­to e cada cên­ti­mo extra que você pode ter que pagar extra. No meu caso, tive a sor­te de ter ido a um cabe­lei­rei­ro de topo antes de sofrer a minha que­da de cabe­lo, mas outros podem ter de dar uma vis­ta de olhos.

A minha esti­lis­ta não só apro­vei­tou o meu cabe­lo exis­ten­te, como tam­bém lidou mui­to bem com este cres­ci­men­to irri­tan­te do cabe­lo. (O meu cabe­lo de recres­ci­men­to ficou direi­to por um tem­po, como peque­nas cer­das, e não cabia no meu cabe­lo ain­da exis­ten­te). Além dis­so, duran­te toda a pro­va­ção de que­da de cabe­lo, ela foi incri­vel­men­te ami­gá­vel e soli­dá­ria, o que me leva ao pró­xi­mo pon­to.

3. Receber apoio.

Como men­ci­o­nei há pou­co, sen­ti-me cul­pa­da por­que esta­va pre­o­cu­pa­da com o meu cabe­lo fel­pu­do, mas devia pre­o­cu­par-me mui­to mais com o meu bebé. Mas a ver­da­de é que impor­ta o que sen­ti­mos sobre a nos­sa apa­rên­cia, e que isso afe­ta a nos­sa auto­es­ti­ma.

Quando um ami­go meu (macho) pen­sou que eu devia viver com isso, e que mui­tos homens tinham de lidar com isso des­de o iní­cio dos tem­pos, sali­en­tei que, embo­ra a que­da de cabe­lo pos­sa, sem dúvi­da, ser trau­má­ti­ca para mui­tos homens, ain­da é mui­to mais soci­al­men­te acei­tá­vel para um homem per­der o cabe­lo do que para uma mulher (pen­se em todos os care­cas). , homens sen­su­ais que deco­ra­ram ou tive­ram a tela): Sean Connery, Patrick Stewart, Taye Diggs, etc. Agora ten­te nome­ar uma mulher).

Não há nada de erra­do em ficar cha­te­a­do com a situ­a­ção, estar zan­ga­do ou frus­tra­do. Um gru­po de auto­a­ju­da onli­ne ou até mes­mo um ami­go sim­pá­ti­co para falar pode ser uma gran­de aju­da.

4. Deixe o mino­xi­dil, vita­mi­nas espe­ci­ais ou ervas aro­má­ti­cas, lon­ge até falar com um médi­co.

Pode ser ten­ta­dor ser tra­ta­do com um des­tes pro­du­tos ime­di­a­ta­men­te. No entan­to, se a que­da de cabe­lo ocor­rer ape­nas após o nas­ci­men­to, exis­te a pos­si­bi­li­da­de de o seu cabe­lo vol­tar a cres­cer por si só, mes­mo que um des­tes mei­os fun­ci­o­ne ou não — não pode­rá atri­buir expli­ci­ta­men­te o cres­ci­men­to do cabe­lo a um des­tes mei­os. E lem­bre-se que mui­tos des­tes medi­ca­men­tos, vita­mi­nas e ervas não são reco­men­da­dos duran­te a gra­vi­dez ou lac­ta­ção.

É bom
saber:
Fator Hair Activator para mulhe­res tam­bém pode ser usa­do duran­te a gra­vi­dez e lac­ta­ção, bem como duran­te a qui­mi­o­te­ra­pia ou tera­pia hor­mo­nal, uma vez que é por si só 100 hor­mo­nas livres.

Mesmo que não entre na cate­go­ria aci­ma, vale a pena dis­cu­tir estas coi­sas com um médi­co ou outro espe­ci­a­lis­ta para ver se fun­ci­o­nam para si — bem como pos­sí­veis efei­tos secun­dá­ri­os, espe­ci­al­men­te se esti­ver a tomar medi­ca­men­tos pres­cri­tos ou não sujei­tos a recei­ta médi­ca. (O mino­xi­dil, por exem­plo, só é efi­caz em alguns tipos de care­ca.) Alguns tam­bém não fun­ci­o­nam, por isso é pos­sí­vel que não só tenhas menos cabe­lo, como tam­bém este­jas a ter menos dinhei­ro no final.

5. Não se enver­go­nhe da que­da de cabe­lo femi­ni­na.

Podemos não que­rer admi­tir que exis­te, mas exis­te — a que­da de cabe­lo femi­ni­na, e é mui­to mais comum do que a mai­o­ria das pes­so­as pen­sa. Felizmente, há coi­sas que podem aju­darcom a que­da de cabe­lo femi­ni­na. Desejo boa sor­te a todos os que estão nes­te bar­co, e se se sen­ti­rem melhor como resul­ta­do, tam­bém eu des­ci­do por este cami­nho e sei o quão frus­tran­te pode ser.

É impor­tan­te lem­brar que somos todos mais do que a nos­sa apa­rên­cia exter­na.

Deixe um comentário

Assine nossa newsletter.

Por favor, leia antes de enviar
Eu li e entendi a política de privacidade. Concordo que meus dados serão coletados e armazenados eletronicamente para responder ao meu inquérito. Por favor, note: Você pode revogar seu consentimento a qualquer momento para o futuro enviando um e-mail para info@factorhair.de .

Fator Cabelo

Não sonhe com cabelo bonito e saudável. Com o Factor Hair Activator você pode resolver o problema na raiz e ativar um novo crescimento capilar com uma taxa de sucesso de mais de 93%.

Aproveite nossa fórmula única, a eficácia da qual foi comprovada por estudos clínicos. Fique mais grosso, saudável e mais forte do que você jamais pensou ser possível.

Todos os direitos reservados 2019 © Todos os Direitos Reservados.

Initiative: Fairness im Handel

Membro da iniciativa "Justiça no Comércio".
Informações sobre a iniciativa: https://www.fairness-im-handel.de

Programa de afiliados da Webmaster para produtos de beleza exclusivos